APÓSTATAS: O QUE ACONTECE QUANDO UM EX-TJ RETORNA? - https://adeusheresias.com.br

www.ADEUS HERESIAS.com.br
Site dedicado a pessoas sinceras estudiosas da Bíblia.
Ir para o conteúdo

APÓSTATAS: O QUE ACONTECE QUANDO UM EX-TJ RETORNA?

Jeová é O MAIOR PAI. Seu exemplo superlativo de perdoar pecadores arrependidos não tem igual. Seu Filho Jesus também é exemplar neste sentido. Veja na bíblia uma ilustração de como Jeová recebe de volta com a maior alegria todos se afastaram e posteriormente se arrependeram e retornaram a casa do PAI.

" Ele disse então: “Certo homem tinha dois filhos.  E o mais jovem deles disse a seu pai: ‘Pai, dá-me a parte dos bens que me cabe.’ Dividiu então os seus meios de vida entre eles.  Mais tarde, não muitos dias depois, o filho mais jovem ajuntou todas as coisas e viajou para fora, a um país distante, e ali esbanjou os seus bens por levar uma vida devassa.  Quando já tinha gasto tudo, ocorreu uma fome severa em todo aquele país, e ele principiou a passar necessidade.  Ele até mesmo foi e se agregou a um dos cidadãos daquele país, e este o enviou aos seus campos para pastar porcos.  E costumava desejar saciar-se das alfarrobas que os porcos comiam, e ninguém lhe dava [nada].

 “Quando caiu em si, disse: ‘Quantos empregados de meu pai têm abundância de pão, enquanto eu pereço aqui de fome!  Levantar-me-ei e viajarei para meu pai e lhe direi: ‘Pai, pequei contra o céu e contra ti.  Não sou mais digno de ser chamado teu filho. Faze de mim um dos teus empregados.”’  Levantou-se assim e foi ter com seu pai. Enquanto ainda estava longe, seu pai o avistou e teve pena, e correu e lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou ternamente.  O filho disse-lhe então: ‘Pai, pequei contra o céu e contra ti. Não sou mais digno de ser chamado teu filho. Faze de mim um dos teus empregados.’  Mas o pai disse aos seus escravos: ‘Ligeiro! Trazei uma veste comprida, a melhor, vesti-o com ela, e ponde-lhe um anel na mão e sandálias nos pés.  E trazei o novilho cevado e abatei-o, e comamos e alegremo-nos,  porque este meu filho estava morto, e voltou a viver; estava perdido, mas foi achado.’ E principiaram a regalar-se.

 “Ora, o filho mais velho dele estava no campo; e quando chegou e se aproximou da casa, ouviu um concerto de música e dança.  De modo que chamou a si um dos servos e indagou o significado destas coisas.  Este lhe disse: ‘Chegou teu irmão, e teu pai abateu o novilho cevado, porque o recebeu de volta em boa saúde.’  Mas ele ficou furioso e não quis entrar. Saiu então seu pai e começou a suplicar-lhe.  Em resposta, ele disse ao seu pai: ‘Eis que trabalhei tantos anos como escravo para ti, e nunca, nem uma única vez, transgredi o teu mandamento, contudo, nunca, nem uma única vez, me deste um cabritinho para alegrar-me com os meus amigos.  Mas, assim que chegou este teu filho, que consumiu com as meretrizes o teu meio de vida, abates para ele o novilho cevado.’  Disse-lhe então: ‘Filho, tu sempre estiveste comigo e todas as minhas coisas são tuas;  mas nós simplesmente tivemos de nos regalar e alegrar, porque este teu irmão estava morto, e voltou a viver, e estava perdido, mas foi achado.’” Luc. 15:11-32

NECESSIDADE DE ARREPENDIMENTO E RETORNO
Não importa o tamanho do pecado (apostasia é um dos piores) o importante é mostrar o verdadeiro arrependimento. Observe o caso da apostasia do REI de JUDÁ Manassés:

Ele tinha 12 anos de idade quando ascendeu ao trono como 14.° rei de Judá depois de Davi, e governou por 55 anos (716-662 AEC) em Jerusalém. (2Rs 21:1) Fez o que era mau aos olhos de Jeová, reconstruindo os altos que seu pai havia destruído, erigindo altares a Baal, adorando “todo o exército dos céus” e construindo altares da religião falsa em dois pátios do templo. Fez seus filhos passar pelo fogo, praticou a magia, empregou adivinhação e promoveu práticas espíritas. Manassés colocou também na casa de Jeová a imagem esculpida do poste sagrado que havia feito. Seduziu Judá e Jerusalém “para fazerem pior do que as nações que Jeová aniquilara de diante dos filhos de Israel”. (2Rs 21:2-9; 2Cr 33:2-9)

Embora Jeová enviasse profetas, não deram ouvidos a eles. Manassés também era culpado de derramar sangue inocente em grande quantidade (2Rs 21:10-16), o que, de acordo com a literatura dos rabinos judeus, incluía o de Isaías, o qual, segundo eles, foi serrado em pedaços à ordem de Manassés. — Veja He 11:37.

Manassés foi punido por não prestar atenção à mensagem de Jeová, sendo ele levado cativo, pelo rei da Assíria, a Babilônia, uma das cidades reais do monarca assírio. (2Cr 33:10, 11) ‘Manassés de Judá’ é mencionado na lista do rei assírio Esar-Hadom, de 22 “reis de Hati, do litoral e das ilhas”, que pagavam tributo. O nome de Manassés aparece também numa lista de reis tributários de Assurbanipal. — Ancient Near Eastern Texts (Textos Antigos do Oriente Próximo), editado por J. Pritchard, 1974, pp. 291, 294.

Enquanto em cativeiro, Manassés arrependeu-se, humilhou-se e orou a Jeová. Deus ouviu seu pedido de favor e restaurou-lhe o reinado em Jerusalém. (2Cr 33:12, 13) Depois disso, Manassés “construiu uma muralha externa para a Cidade de Davi”, pôs chefes militares nas cidades fortificadas de Judá, e removeu da casa de Jeová os deuses estrangeiros e o ídolo, bem como os altares que havia construído “no monte da casa de Jeová e em Jerusalém”. Manassés preparou o altar de Jeová e começou a oferecer sacrifícios sobre ele, incentivando outros a servir a Jeová. Todavia, o povo ainda oferecia sacrifícios nos altos, embora a Jeová. (2Cr 33:14-17) Quando Manassés morreu, ele foi sucedido no reinado pelo seu filho Amom. — 2Cr 33:20.

CONCLUSÃO: Arrependa-se e será perdoado cabalmente. Serás acolhido pelo PAI JEOVÁ, Jesus , os irmãos espirituais, diz a bíblia haverá uma festa dos anjos, e alegria no céu. Luc. 15:7,10.

MATÉRIA ADICIONAL

Voltar para o conteúdo